quarta-feira, 27 de outubro de 2010

ROTEIRO PARA CERIMÔNIA DE CASAMENTO

(ALESSA & KLEBER)

Mestre de Cerimônia/Demétrio - 6484345616
Organizadora das entradas/Madalena
Assistente/Neide Batista dos Santos

 Entradas:


1. Florista — Aline;
2. Pastor André e Pastora Miriã;
3. Avós da noiva & noivo (mencionar nomes);
4. Pais da noiva (mencionar nomes) & noivo (†);
5. Noivo c/ mãe (dona: ________________________________);
6. Paraninfos — entrar alternados;

 Lista de Paraninfos, Para Chamada: (mulheres em 1º)








Luciene e Domilson
Luciene e Marcos
Silvânia e João Batista
Lorena e Carlos
Rosana e André
Marizete e Silvio
Helena e José Leandro
Júnia e Élter
Fabiana e Mário
Iraci e Nelson
Elizândra e Adaílton
Lucimar e João
Neli e Váldisson
Edilene e Valdir
Geovana e Claudino
Érika e Thiago
Dione e Leandro
Erismar e Reginaldo
Crislaine e _____________
Claudimira e Edivaldo.

7. Petalista — Heujéssika;
8. Senhoras e senhores (de pé), com muitíssima honra: — vamos receber a Noiva — Alessa da Luz! (assim que a noiva acomodar-se a ANA-CAROLINA canta);

— Senhor celebrante (neste ato/pastor André), em nome da boa etiqueta vigente neste País, em cada cena será mencionado sempre o substantivo feminino em primeiro lugar.
— Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo… a Santa Igreja Evangélica Assembleia de Deus/Ministério Vila Nova, desta cidade de Caldas Novas, Estado de Goiás, está reunida à partir das 20h00 deste dia 06 de novembro de 2010, conforme disposto no convite (anexo), para a celebração do casamento (RELIGIOSO C/EFEITO CIVIL) de Alessa & Kleber.
— Sr. Kleber da Silva Rocha — É de livre e espontânea vontade que você aceita a Srtª. Alessa da Luz como sua legítima esposa, para: amá-la, respeitá-la e cuidar bem dela em quaisquer circunstâncias…, (favoráveis ou não), todos os dias do resto de suas vidas? Hipoteticamente, (SIM).
— Srtª. Alessa da Luz — É de livre e espontânea vontade que você aceita o Sr. Kleber da Silva Rocha como seu legítimo esposo, para: amá-lo, respeitá-lo e cuidar dele em quaisquer circunstâncias…, (favoráveis ou não), todos os dias do resto de suas vidas? Hipoteticamente, (SIM).
— Diante da confissão pública de ambos, perante os olhares atentos de todas estas testemunhas e convidados, aqui presentes: — Eu vos declaro casados, em nome da Lei.
— É óbvio que os nubentes querem muito mais que um casamento em nome da Lei! Também pretendem casar em nome de DEUS e serem abençoados por Ele…, o que faremos a seguir, na presença de seus familiares, amigos e de seus irmãos de fé (para tanto, FAÇAM ENTRAR À BÍBLIA SAGRADA). Dar pausa (significativa) para entrada da Bíblia…
9. Bíblia — com a GIOVANNA SABINO DE SOUSA (entrar a pedido do Mestre de cerimônia/Demétrio);

— Após a leitura da respectiva ATA DE CASAMENTO RELIGIOSO C/EFEITO CIVIL…, passaremos a casá-los e consequentemente, a abençoá-los em nome de Deus e da Santa Igreja Evangélica Assembleia de Deus/MVN. O que não faremos sem que todos se coloquem em pé para que se proceda à leitura da Lei Maior — O Código dos Códigos, que (em Gn 2.18) dispõe sobre os seguintes termos:

— “E disse Deus… Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma auxiliadora que lhe seja idônea”.

— Desde então, em virtude disso: “O homem deixará seu pai e sua mãe para unir-se à sua mulher, passando a ser uma só carne” (palavras de Jesus/Gn 2.24; Mt 19.5; compiladas por Paulo/Ef 5.31). Ah! “Portanto, o que Deus uniu não o separe o homem!” (Mt 19.6).
— Desume-se desse texto (sagrado) que Adão fora criado: inteligente, capaz, bem relacionado…, bom administrador…, mas era incompleto afetivamente. Portanto, infeliz.
— Instituições surgem das necessidades: sócio-educativas, sócio-econômicas, afetivas e etc. Contextualizando, hoje é natural que as pessoas queiram “interagir”. Interagir está na moda; seja “blogando, okurtando, twitando”… O fato é que, voltando ao casamento de nossos verdadeiros ancestrais…, para resolver a questão da solidão do Adão Deus instituiu pessoalmente (ao celebrar o primeiro casamento) a família; que não só é a instituição mais antiga da terra, como também, a mais importante! Diga-se de passagem.
— É só por essa razão que ao longo dos anos o nosso adversário tem investido contra as famílias; seja promovendo à imoralidade, seja tentando modificar o seu modelo original; obrigando os países (vassalos seus) a aprovar ‘leis’ e casamentos pra lá de não/convencionais!
Se ‘amanhã’ der… (na grande mídia) que o: Maradona estaria de casamento marcado com: o Palermo…, não fiquem assustados, isso já é possível na Argentina; não demora, chegará ao Brasil. A Câmara dos ‘deputados’ já aprovou à diabólica “LEI DA MORDAÇA” (LS122/06). (quinta-feira, 15 de abril de 2010), com pesar, digo, apesar de termos lá naqueles ‘Campos’ o nosso ‘João’ e outros…, dentre eles o nosso ‘deus’, quer dizer, Bispo… Só falta à aprovação do Senado (que geral e historicamente faz tudo o que a Câmara quer).
— Lembrem-se de que: — “Jesus Cristo é o mesmo; ontem, hoje, e eternamente” (Hb 13.8). E (não por acaso), o versículo 4 do referido texto de Hebreus 13, diz: — “Venerado seja… o casamento e o leito sem mácula!”. Já o versículo 7, por sua vez, diz:
— “Obedeçam o vosso pastor”. Portanto, fiquem antenados nisso que ora digo e obedeçam; na verdade, eu estou realmente velando por vossas almas…
— Estando o Adão solitário na acepção legal do termo, surgiu a necessidade de resolução para aquele ‘impasse’. Foi naquele famigerado contexto que Deus disse o seguinte: — “Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma auxiliadora que lhe seja idônea, para o ‘assistir’ nas suas necessidades mais importantes (subentendido)”. A esta altura, ouviremos a cantar: JÚNIA SOARES.
— Somos logo levados a indagar: — o que significa o termo:“auxiliadora” ou “adjutora” e, o que significa idônea? Tanto auxiliadora quanto adjutora significam: ajudadora; — este “idônea” é igual à capaz. Portanto, as esposas são mulheres capazes…, que ajudam! Em síntese, o mesmo texto diria: Far-lhe-ei uma companheira capaz.
— Marido…, isto vale para cada marido aqui presente: nunca subestime à habilidade de tua esposa, pois: Deus a fez capaz! Esta ‘leira’ que você tem em casa, não é uma loira/burra; é uma mulher capaz! Canta: DEMÉTRIO.

MÚSICA: - "VEM... 'ME FAZER FELIZ'!";
AUTOR/LETRA: DEMÉTRIO
ARRANJOS: SOM LIVRE/KENENY G - ULTIMATE/"HAVANA"/FAIXA Nº 02
HOMENAGEADOS: NUBENTES: ALESSA & KLEBER


SE O AMOR DISSER: - "VEM... 'ME FAZER FELIZ'!";
VÁ LOGO, POIS TENS O QUE ELE SEMPRE QUIS;
'PAGUE' AO SEU AMOR O QUE LHE CONVÉM;
DISSE O CRIADOR A QUEM FAZ O BEM.


AME O TEU AMOR, COMO CRISTO A TI;
E, SEJA ONDE FOR, SERÁS BEM FELIZ...
UM 'CORDÃO' DE TRÊS - TU, ELE E JESUS;
MANTERÁ VOCÊS NO 'CAMINHO' DA LUZ!


QUEM AMA A ALGUÉM É UM ETERNO APRENDIZ!
LHE FAZ SEMPRE O BEM, PRA VÊ-LO MUI FELIZ;
É SEU PRÓPRIO CORPO E POR ISSO O ALIMENTA;
LHE DÁ O MELHOR..., ATÉ NA DOR OU TORMENTA.


SE O AMOR DISSER: - "VEM... ME FAZER FELIZ!";
VÁ LOGO, POIS TENS O QUE ELE SEMPRE QUIS;


— É evidente que o santo texto da carta de Paulo aos efésios (5.22-33), em geral largamente discutido nas cerimônias de casamento, não pode nem deve ter o seu conteúdo cerceado aqui; não podemos simplesmente privar vocês do direto de ouvir tais palavras tão sapientes (ler o texto); no entanto, é de bom alvitre salientar o seguinte: — embora leiamos, no v 22 o: “sede SUBMISSA”, imposto (imperiosamente) à mulher…, sabemos que este sede: “SUBMISSA” primeiramente significa: SEDE DISCÍPULA!
— Ao dizer (diretamente) à Alessa: “sede discípula” o mesmo texto também está dizendo (indiretamente), ao Kleber: “sede o mestre desta discípula”. Você (Kleber), não possui quatro bilhões de neurônios a mais que este moça por acaso; Deus te projetou para liderar…, liderar, e liderar bem; de preferência: — Com muito amor e compreensão (Ef 5.28; I Pe 3.7).
— Eva foi a primeira a ‘pisar na bola’; a falhar… só porque Adão foi o primeiro ‘mestre’ que falhou na sublime missão de ensinar! É por isso que se diz (em Rm 5.12), que o pecado entrou no mundo por um homem e não por uma mulher! Provavelmente, quando Deus ordenou que não comessem do ‘fruto proibido’ Eva ainda nem era nascida! Destarte, podemos dizer que: — A cobrança feita ao discípulo depende diretamente da maneira como o seu mestre o instruiu (análise/Gn 2.17 vv.).
— Quais seriam os deveres da esposa? Antes de responder essa pergunta eu gostaria de fazer outras duas…, ao Sr. Kleber:

• Que garantia você tem ‘em mãos’ para oferecer a esta jovem?
• Onde está o penhor do vosso amor? Ao som do maestro (Joãozinho), façam entrar às alianças!

10. Entrada das alianças conduzidas pela Jéssika (Colocação/à critério do Pastor).

— Mulher, Reverencie, isto é, respeite o teu marido. Que por sua vez a de se fazer signatário (merecedor) desse teu respeito!

 Amando-te, do jeito ‘simples’ como Cristo amou sua igreja; ao ponto de morrer por ela (Ef 5.25,28,33);
 Entregando-se a ti, de corpo, alma e espírito. — “Toda vez que o amor disser: vem comigo! Vai sem medo de se arrepender” (música Chuva de Prata/Simone/1982). (Ver também I Co 7.3). Acrescentar: — “Bebe à água de tua ‘cisterna’; por que a repartirias com teu ‘companheiro’?” (Pv 5.15,17).
 Cuidando muito bem de você… pois: “Ninguém faz mal ao seu próprio corpo” (Ef 5.29). Grande é esse mistério! v 32.

— As mulheres não têm dificuldade alguma para amar; são seres sentimentais e afáveis por natureza. Já os homens, além de feios e, quase sempre mal-educados e mal-humorados, geralmente acham bem mais ‘simples’ respeitá-la… porque dizem (alguns) que amar é muito difícil. Na sua infinita sabedoria, O Senhor usa o seu instrumento (o apóstolo Paulo) e nos ensina que, a mulher deve aprender a:

 Reverenciar; isso porque, amar ela já nasce sabendo.
 O homem: a amar; porque, “ele têm muita dificuldade em admitir à importância do amor mútuo” (Ef 5.33). — Amar é coisa pra ‘cabra’ macho…, sim, senhor!

Sr. Kleber da Silva Rocha Ame esta moça; ame e demonstre isso (diuturnamente); então o casamento de vocês a de ser feliz e eterno…, até que a morte…, ou (quem sabe), nem mesmo à morte vos separe.

Esta gente toda quer homenageá-los (com aplausos);
Certamente depois que virem o senhor beijar a noiva!

Caldas Novas, GO, sábado,
06 de novembro de 2010.

Roteiro Simples Para de Casamento/Criado Por: Demétrio.

A Gente se Fala Depois...

Demétrio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog

Quem sou eu?

Minha foto
Caldas Novas, GO, Brazil
Antonio Demétrio da Silva. Evangélico desde 20/08/1976; Formado em teologia desde 1995; Ministro do Evangelho (evangelista) desde 23/10/1999.